Loja Leytores
Está a ver: close
A Manhã do Mundo - eBook

No dia 12 de Setembro de 2001, Ayda encontrou-se com Teresa num café de Allentown e, com o jornal aberto sobre a mesa, foi implacável com os que tinham saltado das Torres Gémeas, chamando-lhes cobardes; mas não disse à amiga que, na verdade, o que sentia era outra coisa, uma grande frustração por o marido e o filho a terem abandonado e rumado a Nova Iorque num momento em que ela se recusava a tomar a medicação e lhes tornava a vida um Inferno - e de não ter coragem de fazer o que esses tinham feito. Entre os que saltaram, estavam Thea, Millard, Mark, Alice e Solomon - todos personagens fascinantes, com histórias de vida simultaneamente banais e extraordinárias -, que o acaso reuniu no 106.º piso da Torre Norte do World Trade Center naquela fatídica manhã. Se Ayda, por hipótese, conhecesse essas histórias e o drama que eles enfrentaram, decerto não os teria insultado tão levianamente. Mas poderá o destino dar-lhe uma oportunidade de rever a História? Este é um romance admirável sobre o medo e a coragem, o desespero e a lucidez, a culpa e a expiação; mas é também um livro sobre Einstein e os universos paralelos, sobre o que foi e o que podia não ter sido. No décimo aniversário do 11 de Setembro, a memória não basta, é preciso combater o esquecimento indo para junto dos heróis que viveram o horror e compreender cada um dos seus actos - se necessário, saltar com eles, conhecer aquela que foi a manhã do Mundo.


Pedro Guilherme-Moreira estreou-se em 2011 com o romance A Manhã do Mundo, muito bem recebido pela crítica e pelo público. Nascido no Porto no Verão de 1969, desde cedo se interessou pela arte e pela literatura. Os poemas (que passou a escrever regularmente desde o final da escola primária) levaram-no a ganhar alguns prémios literários na juventude, e os dicionários tornaram-se um vício. O facto de ter sido vizinho e companheiro de trólei de Torga durante cinco anos marcou-o literária e pessoalmente. Formou-se em Direito na prestigiada Universidade de Coimbra, acabando por se especializar no domínio das tecnologias associadas ao Direito, o que lhe valeu o Prémio Lopes Cardoso em 1998. Em 2012 foi agraciado com o prémio de poesia do Museu Nacional da Imprensa, Livro sem Ninguém, o seu segundo romance, foi finalista do Prémio LeYa em 2012.

PVP
€ 9,99
Comprar
10
Letras
A Manhã do Mundo - eBook
Ano de Edição / Impressão / 2011
Formato / EPUB
ISBN / 9789722047432
Editora / DOM QUIXOTE
PVP
€ 9,99
Comprar
Disponibilidade / Imediata
Prazo de Entrega / 2 a 3 dias úteis
Iva à taxa a vigor
A Manhã do Mundo - eBook - GUILHERME-MOREIRA, PEDRO

No dia 12 de Setembro de 2001, Ayda encontrou-se com Teresa num café de Allentown e, com o jornal aberto sobre a mesa, foi implacável com os que tinham saltado das Torres Gémeas, chamando-lhes cobardes; mas não disse à amiga que, na verdade, o que sentia era outra coisa, uma grande frustração por o marido e o filho a terem abandonado e rumado a Nova Iorque num momento em que ela se recusava a tomar a medicação e lhes tornava a vida um Inferno - e de não ter coragem de fazer o que esses tinham feito. Entre os que saltaram, estavam Thea, Millard, Mark, Alice e Solomon - todos personagens fascinantes, com histórias de vida simultaneamente banais e extraordinárias -, que o acaso reuniu no 106.º piso da Torre Norte do World Trade Center naquela fatídica manhã. Se Ayda, por hipótese, conhecesse essas histórias e o drama que eles enfrentaram, decerto não os teria insultado tão levianamente. Mas poderá o destino dar-lhe uma oportunidade de rever a História? Este é um romance admirável sobre o medo e a coragem, o desespero e a lucidez, a culpa e a expiação; mas é também um livro sobre Einstein e os universos paralelos, sobre o que foi e o que podia não ter sido. No décimo aniversário do 11 de Setembro, a memória não basta, é preciso combater o esquecimento indo para junto dos heróis que viveram o horror e compreender cada um dos seus actos - se necessário, saltar com eles, conhecer aquela que foi a manhã do Mundo.


Pedro Guilherme-Moreira estreou-se em 2011 com o romance A Manhã do Mundo, muito bem recebido pela crítica e pelo público. Nascido no Porto no Verão de 1969, desde cedo se interessou pela arte e pela literatura. Os poemas (que passou a escrever regularmente desde o final da escola primária) levaram-no a ganhar alguns prémios literários na juventude, e os dicionários tornaram-se um vício. O facto de ter sido vizinho e companheiro de trólei de Torga durante cinco anos marcou-o literária e pessoalmente. Formou-se em Direito na prestigiada Universidade de Coimbra, acabando por se especializar no domínio das tecnologias associadas ao Direito, o que lhe valeu o Prémio Lopes Cardoso em 1998. Em 2012 foi agraciado com o prémio de poesia do Museu Nacional da Imprensa, Livro sem Ninguém, o seu segundo romance, foi finalista do Prémio LeYa em 2012.

Deseja comentar? Faça aqui o login ArrowDown ArrowDown
Já sou cliente LeYaOnline.
Email
Password
Esqueceu-se da password?
Quero Registar-me para usufruir
das vantagens LeYaOnline.
  • Recomendações de compra com base no perfil
  • Pré-lançamentos exclusivos
  • Campanhas na compra de livros, manuais e/ou auxiliares escolares
  • Acesso às novidades das editoras do grupo LeYa
Novo Registo
Mais próximo de si