A Mulher Do Sari Cor-De-Rosa

letras_leya
9
Letras

A Mulher Do Sari Cor-De-Rosa

Numa das regiões mais miseráveis da Índia, alastra o rumor: uma mulher ergueu-se, sozinha, contra a lei do mais forte. Chama-se Sampat Pal, e luta em prol das mulheres maltratadas, dos pobres espoliados dos seus bens, de todos aqueles a quem a esperança abandonou. Como é que uma criança, oriunda de uma família modesta, se tornou numa destemida justiceira? Sampat era apenas uma menina quando decidiu ir contra todas as convenções e aprender a ler. Sozinha, escondida na escola que não podia frequentar, não desistiu até conseguir. Contra a sua vontade, casou com doze anos. Mas a sua personalidade destemida levou-a a lutar contra as injustiças de que era vítima às mãos da família do marido. Mais tarde defendeu um vizinho, depois, a amiga de uma amiga... Mas, na Índia, uma mulher não pode desafiar o poder. Ameaçada por assassinos profissionais, contratados para a matar, teve de abandonar tudo, a casa, os amigos, a aldeia. Levou consigo o que nunca poderia deixar para trás: os filhos. Contudo, sabia que, sozinha, não conseguiria resistir por muito tempo. Mas, se conseguisse que outras mulheres se juntassem a ela, então, talvez a sua luta contra uma sociedade corrupta e violenta fosse possível. E foi o que fez. Até agora, reuniu três mil mulheres. Esta é a história de uma verdadeira heroína. Sampat Pal conseguiu mudar a vida de centenas de pessoas, e o seu combate está apenas a começar...
Ler mais
Ano de Edição / Impressão / 2010
Número Páginas / 208

Dimensões / 235 x 13 x 155 mm
ISBN / 9789892306858
Editora / ASA
Ofereça livros perfeitos
Ofereça livros perfeitos Fale-nos sobre a pessoa a quem quer oferecer livros.
O resto é por nossa conta.
Ofereça livros perfeitos