Março, 2017

LeYa e Público lançam grandes obras de autores Ibero-americanos

No ano em que Lisboa é Capital Ibero-Americana de Cultura, a LeYa e o jornal Público lançam, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, uma coleção com alguns dos mais consagrados autores ibero-americanos que se tornaram símbolo dos seus países. O primeiro livro, Crónica de uma Morte Anunciada, de Gabriel García Márquez, saiu no sábado passado, dia 25 de março.

A coleção apresenta-se como uma viagem pela diversidade ibero-americana, através de doze obras de autores como Mario Vargas Llosa, António Lobo Antunes, Juan Marsé ou Jorge Amado, entre outros, como o já mencionado García Márquez. Os livros, de capa dura, sairão com o jornal todos os sábados e custam 8,90 euros, com oferta de uma assinatura digital do Público.

Para saber tudo sobre esta iniciativa, consulte o suplemento especial dedicado à colecção aqui.
Ofereça livros perfeitos
Ofereça livros perfeitos Fale-nos sobre a pessoa a quem quer oferecer livros.
O resto é por nossa conta.
Ofereça livros perfeitos