O Último Bailarino de Mao

Promo
30%
Brinde

O Último Bailarino de Mao

Esta é a minha história. Nela incluo as recordações dos anos que passei na China de Mao. É a história da minha família. É a viagem que efectuei, desde as primeiras lembranças, passando pela descoberta da dança, até ficar a viver no Ocidente. A História pode apresentar registos diferentes, os outros também, no entanto, as histórias aqui contadas são tão verdadeiras para mim agora como sempre o foram. São reminiscências que encerram os tesouros que guardo no coração. Assim escreveu Li Cunxin na primeira edição das memórias que se tornaram num grande sucesso editorial. Tal como a viagem da extrema pobreza até ao estrelato internacional é um sonho tornado realidade, também a narrativa da história da própria vida o levou a lugares nunca antes imaginados. Desde o lançamento em 2003, O Último Bailarino de Mao vendeu mais de 500 000 exemplares. A inspiradora história de coragem e determinação de Li foi adaptada ao cinema em 2009. Nesta edição, Li apresenta-nos três novos capítulos intensos ao partilhar connosco as experiências da realização do filme, os sentimentos em relação à China tão profundamente mudada e as actuais vivências das famílias em Melbourne e Qingdao.

Li Cunxin nasceu em 1961, na Aldeia Nova, Comuna Li, perto da cidade de Qingdao, na costa do nordeste da China. Foi o sexto de sete filhos de uma família rural pobre, a vida de Li como camponês na China comunista de Mao mudou radicalmente quando, aos onze anos, foi escolhido pelas entidades culturais de Madame Mao para se tornar aluno da Academia de Dança de Pequim. Depois de frequentar um curso de Verão nos Estados Unidos, para o qual foi um dos meros dois alunos escolhidos, desertou para o Ocidente e tornou-se num dos melhores bailarinos do mundo, através do Ballet de Houston.
Ler mais
€ 15,40
PVP   € 22,00
Poupe € 6,60 (30%) Comprar

Ano de Edição / Impressão / 2011
Número Páginas / 544

Dimensões / 235 x 35 x 158 mm
ISBN / 9789722043830
Editora / LIVROS D'HOJE