Sinopse
Como surgiram as nossas mentes? Durante séculos, poetas, filósofos, psicólogos e físicos sondaram o maior dos mistérios: como é que a mente humana desenvolveu as suas prodigiosas capacidades? Discípulos de Darwin explicaram como é que a seleção natural produziu as plantas, mas e em relação à mente humana? Em Das Bactérias a Bach, Daniel C. Dennett baseia-se em descobertas recentes da biologia e das ciências computacionais para mostrar como é que uma mente consciente pôde emergir de um processo irracional de seleção natural. Uma mudança crucial ocorreu quando os humanos desenvolveram a capacidade de partilhar memes, ou formas de fazer coisas não baseadas em instintos genéticos. A competição entre memes terá produzido ferramentas de pensamento suficientemente poderosas para que as nossas mentes não se limitassem a percecionar e a reagir, mas se dispusessem a criar e a compreender. Livro incontornável para toda uma nova geração de filósofos e cientistas, Das Bactérias a Bach não desapontará quem quer que tenha curiosidade em perceber como é que a mente funciona.
Ler mais Ler menos

Detalhes

  • ISBN: 9789724424897
  • Editora: EDIÇÕES 70