Sinopse
A Igreja Católica corre hoje um risco sério de fragmentação interna. Três paradigmas socioculturais, parcialmente incompatíveis entre si, digladiam-se no seu interior. O autor, historiador e arqueólogo, identifica esses sistemas divergentes de convicções, valores, modos de proceder, como sendo os paradigmas de «sociedade de corte», «religião dos pobres» e «paradigma ecuménico». Estes sistemas culturais são o resultado final de uma vivência teológica e histórica muito prolongada que se torna urgente conhecer, decifrar e, em parte, denunciar. O Homem contemporâneo tem necessidade de ver a face de Deus liberta da ganga de tradições sem sentido, de ritos, de mitos acumulados pelo pó dos tempos.
Ler mais Ler menos

Detalhes

  • ISBN: 9789722118972
  • Editora: CAMINHO
  • Ano de Edição / Impressão: 2007
  • Dimensões: 208 x 135 x 10 mm
  • Páginas: 4