A Companhia De Estranhos

Brinde
letras_leya
19
Letras

A Companhia De Estranhos

Um livro ambientado em Lisboa e pano de fundo da II Guerra Mundial. Lisboa, 1944. No calor tórrido do Verão, as ruas da capital fervilham de espiões e informadores, enquanto os serviços secretos disputam em silêncio a última partida. Os alemães dominam a tecnologia dos foguetões e a pesquisa atómica. Os aliados estão decididos a impedir que a ameaça da «arma secreta» venha a concretizar-se. Andrea Aspinall, matemática e espia, entra nesse mundo sofisticado pela mão de uma abastada família do Estoril. Karl Voss, adido militar da Legação Alemã, abalado pela implicação no assassinato de um Reichsminister e traumatizado pelo desastre de Estalinegrado, chega a Portugal com a missão de salvar a Alemanha do aniquilamento. Na tranquilidade mortal de um paraíso corrupto, Andrea e Voss encontram-se e tentam viver o seu amor num mundo em que não se pode acreditar em ninguém. Depois de uma noite de terrível violência, Andrea fica na posse de um segredo que vai ligá-la para sempre ao mundo clandestino, do repressivo regime fascista português à paranóia da Guerra Fria na Alemanha. E aí, numa Berlim gelada, descobre que os maiores segredos não estão nas mãos dos governos, mas em mãos muito próximas de si, e é forçada a fazer a derradeira e dilacerante opção.


Robert Wilson nasceu em 1957. Doutorado pela Universidade de Oxford, trabalhou em expedição, publicidade e comércio, em África, e viveu na Grécia e na África Ocidental. Divide o seu tempo entre Inglaterra (Oxford) e Portugal, sendo proprietário de uma pequena quinta no Alentejo. É autor de grandes romances de sucesso, entre os quais destacamos A Companhia de Estranhos, Último Acto em Lisboa (Crime Writers Association Gold Dagger para Melhor Romance Policial, em 1999, e International Deutsche Krimi Prize 2003), e o quarteto de Sevilha – O Cego de Sevilha, As Mãos Desaparecidas (Prémio Gumshoe para Melhor Romance Policial Europeu 2006), Assassinos Escondidos e A Ignorância do Sangue –, obras que revelaram e celebrizaram o inspetor-chefe Javier Falcón. Em 2012, os dois primeiros livros do quarteto de Sevilha foram adaptados para televisão pela Sky Atlantic, na série de nome Falcón.

Ler mais
Ano de Edição / Impressão / 2009
Número Páginas / 536

Dimensões / 234 x 32 x 154 mm
ISBN / 9789722037303
Editora / DOM QUIXOTE
Promoções Ativas: Oferta de portes CTT48
Autor
Robert Wilson nasceu em 1957. Doutorado pela Universidade de Oxford, trabalhou em expedição, publicidade e comércio, em África, e viveu na Grécia e na África Ocidental. 

Divide o seu tempo entre Inglaterra (Oxford) e Portugal, sendo proprietário de uma pequena quinta no Alentejo. 
É autor de grandes romances de sucesso, entre os quais destacamos A Companhia de EstranhosÚltimo Acto em Lisboa (Crime Writers Association Gold Dagger para Melhor Romance Policial, em 1999, e International Deutsche Krimi Prize 2003), e o quarteto de Sevilha – O Cego de SevilhaAs Mãos Desaparecidas (Prémio Gumshoe para Melhor Romance Policial Europeu 2006), Assassinos Escondidos e A Ignorância do Sangue –, obras que revelaram e celebrizaram o inspetor-chefe Javier Falcón. 

Em 2012, os dois primeiros livros do quarteto de Sevilha foram adaptados para televisão pela Sky Atlantic, na série de nome Falcón.