Sinopse

«Nada equivale a ver casablanca pela primeira vez, mas furst é o que há de mais próximo». Em 1938, centenas de intelectuais refugiaram-se em Paris, fugindo do governo fascista de Mussolini. No exílio, fundaram a resistência italiana e, combatendo o fascismo com máquinas de escrever, criaram mais de 500 jornais. O Correspondente conta essa história, conta as vidas desses homens, e principalmente a de Carlo Weisz, um correspondente de guerra que se torna editor do Liberazione, um jornal clandestino, depois de o editor ser assassinado. Quando Weisz regressa de uma reportagem sobre a guerra civil em Espanha, começa a ser perseguido pela Polícia de Segurança Francesa, pelos Serviços Secretos britânicos e pela OVRA, polícia secreta de Mussolini. Numa Europa desesperada e em guerra, um correspondente estrangeiro é um alvo preferencial - para vigiar, chantagear ou matar.

Ler mais Ler menos

Detalhes

  • ISBN: 9789722033213
  • Editora: DOM QUIXOTE
  • Ano de Edição / Impressão: 2007
  • Dimensões: 235 x 155 x 15 mm
  • Páginas: 4