Dois Corpos Tombando Na Água

letras_leya
10
Letras

Dois Corpos Tombando Na Água

Entrego-te as palavras que entre meus dedos construí para alimentar de ti os recantos da casa invadindo o coração da noite entrego-te as palavras com a redonda luz das maçãs sobre a mesa e o rumor da água rasgando o caminho da paixão em horas que já não conseguimos sem ajuda recordar mas que habitam a mais frágil memória de nós próprios palavras jorrando dos meus olhos invadindo-te o sono e tropeçando nas esquinas das frases que decoro ao longo dos veios da tua pele.


Alice Vieira nasceu em 1943 em Lisboa. Desde 1979 tem vindo a publicar regularmente livros tendo, editados na Caminho, mais de cinco dezenas de títulos. Recebeu em 1979, o Prémio de Literatura Infantil Ano Internacional da Criança com Rosa, Minha Irmã Rosa; em 1994, o Grande Prémio Gulbenkian, pelo conjunto da sua obra. Foi indicada, por duas vezes, como candidata portuguesa ao Prémio Hans Christian Andersen (o mais importante prémio internacional no campo da literatura para crianças e jovens). Alice Vieira é uma das mais importantes escritoras portuguesas para jovens, tendo ganho grande projeção nacional e internacional. Foi igualmente apresentada por duas vezes, como candidata ao ALMA (Astrid Lindgren Memorial Award).

Ler mais
Ano de Edição / Impressão / 2007

Dimensões / 210 x 07 x 135 mm
ISBN / 9789722118835
Editora / CAMINHO
Autor
Alice Vieira nasceu em 1943 em Lisboa. Desde 1979 tem vindo a publicar regularmente tendo editado na Caminho mais de cinco dezenas de títulos. 
Em 1979 recebeu o Prémio de Literatura Infantil Ano Internacional da Criança com Rosa, Minha Irmã Rosa; em 1994, o Grande Prémio Gulbenkian, pelo conjunto da sua obra. Foi indicada, por duas vezes, como candidata portuguesa ao Prémio Hans Christian Andersen (o mais importante prémio internacional no campo da literatura para crianças e jovens). Alice Vieira é uma das mais importantes escritoras portuguesas para jovens, tendo ganho grande projeção nacional e internacional. Foi igualmente apresentada por duas vezes, como candidata ao ALMA (Astrid Lindgren Memorial Award).