A Insustentável Leveza do Ser

letras_leya
20
Letras

A Insustentável Leveza do Ser

Um livro incontornável. Um clássico contemporâneo, em nova tradução respeitando a edição reescrita pelo autor. 

A Insustentável Leveza do Ser é seguramente um dos romances míticos do século xx, uma daquelas obras raras que alteram o modo como toda uma geração encara o mundo que a rodeia. 
Adaptado ao cinema por Philip Kaufmann, este é um livro onde se olha, com um olhar umas vezes melancólico e conformado, outras amargo e revoltado, para o destino de um país, para o destino de um continente, para o destino de uma civilização. E poucas vezes se terá tão magistralmente representado a ligação existente entre a aventura individual e a colectiva...
Justapondo lugares distantes geograficamente, reflexões brilhantes e uma variedade de estilos, este magnífico romance representa o auge daquele que é, verdadeiramente, um dos maiores escritores de sempre.
Ler mais
Ano de Edição / Impressão / 2017
Número Páginas / 400

Dimensões / 236 x 27 x 156 mm
ISBN / 9789722063326
Editora / DOM QUIXOTE
Autor
KUNDERA, MILAN
Romancista e ensaísta, nasceu em Brno na República Checa, em 1929.
Após a publicação de A Brincadeira (1967), que lhe conferiu uma notoriedade imediata, e o O Livro dos Amores Risíveis (1969) (Prémio da União dos Escritores Checoslovacos), é vítima da repressão soviética após o esmagamento da Primavera de Praga. Os seus livro são interditos, é proibido de trabalhar e perde o direito de publicar.
Em 1975, foge para Paris, onde vive desde então, tornando-se cidadão francês em 1981, após lhe ter sido retirada a nacionalidade checoslovaca.
Entre outros prémios, Milan Kundera recebeu, pelo conjunto da sua obra, o Common Wealth Award (1981) e o Prémio Jerusalém
É considerado um dos grandes escritores do nosso tempo.