Kafka à Beira-Mar

Coleção: Essencial Livros RTP - volume 30
Promo
20%

Kafka à Beira-Mar

Coleção: Essencial Livros RTP - volume 30

Kafka à Beira-Mar narra as aventuras (e desventuras) de duas estranhas personagens, cujas vidas, correndo lado a lado ao longo do romance, acabarão por revelar-se repletas de enigmas e carregadas de mistério. São elas Kafka Tamura, que foge de casa aos 15 anos, e Nakata, um homem já idoso que nunca recupera de um acidente de que foi vítima quando jovem, que tem dedicado boa parte da sua vida a uma causa – procurar gatos desaparecidos.
Neste romance os gatos conversam com pessoas, do céu cai peixe, um chulo faz-se acompanhar de uma prostituta que cita Hegel e uma floresta abriga soldados que não sabem o que é envelhecer desde os dias da Segunda Guerra Mundial.
Trata-se de uma clássica e extravagante história de demanda e, simultaneamente, de uma arrojada exploração de tabus, só possível graças ao enorme talento de um dos maiores contadores de histórias do nosso tempo. Prefaciado por Zeferino Coelho

Ler mais
€ 8,00
PVP   € 10,00
Poupe € 2,00 (20%) Comprar

Disponibilidade / Pré-lançamento
Prazo de Entrega / 2 a 3 dias úteis
Novidade / -10% Promoção válida de 0000-00-00 a 2019-02-13
Ano de Edição / Impressão / 2018
Número Páginas / 640

Dimensões / 243 x 44 x 162 mm
ISBN / 9789896605575
Editora / LEYA
Autor
Haruki Murakami é, cada vez mais, um autor de culto, lido por todas as gerações e procurado com especial curiosidade pelos jovens leitores. Em maio de 2012, recebeu o doutoramento Honoris Causa pela Universidade do Havai. 
O seu livro O Impiedoso País das Maravilhas e o Fim do Mundo foi distinguido com o prestigiado Prémio Tanizaki.

É um dos escritores japoneses contemporâneos mais divulgado em todo o mundo, sendo, simultaneamente, aplaudido pela crítica, que o considera um dos “grandes romancistas vivos” The Guardian e a “mais peculiar e sedutora voz da moderna ficção” Los Angeles Times.

“Um escritor notável... Murakami apreende o sofrimento comum que dilacera os corações e apoquenta as mentes nos nossos dias.”
Jay McInerney

“Como é que Murakami consegue fazer poesia ao escrever sobre a vida contemporânea e as emoções do nosso dia a dia?”
Independent on Sunday

“As suas fantasias , povoadas de referências explícitas à literatura de cordel e à música ocidental, retêm uma beleza de sentimentos.”
The Guardian