O Homem das Cavernas

Promo
10%

O Homem das Cavernas

Durante quatro meses, um cadáver permaneceu por descobrir apenas a algumas portas da casa do inspetor-chefe William Wisting.

Viggo Hansen morreu sentado em frente à televisão e aí permaneceu sem que ninguém tenha dado conta. Ter-se-á a sociedade norueguesa tornado tão grosseira que já ninguém se importa? A filha de Wisting, a jornalista Line, importa-se, e vai investigar o sucedido.
Enquanto isso, Wisting tem em mãos um caso que começa a adquirir proporções inimagináveis. A sua suspeita de que um assassino em série norte-americano tem estado ativo na Noruega, escondendo as suas vítimas no fundo de poços secos, confirma-se… mas há quanto tempo, e por quantos países passou até aí chegar? Quando o FBI e a Interpol finalmente se envolvem no caso, as apostas aumentam e as tensões acumulam-se, até à última corrida mortal contra o tempo, com a vida de Line em jogo.

Ler mais
€ 16,92
PVP   € 18,80
Poupe € 1,88 (10%) Comprar

eBook
€ 12,59
PVP   € 13,99
Poupe € 1,40 (10%) Comprar
Novidade / -10% Promoção válida de 0000-00-00 a 2018-09-19
Ano de Edição / Impressão / 2018
Número Páginas / 384

Dimensões / 234 x 25 x 157 mm
ISBN / 9789722065283
Editora / DOM QUIXOTE
Promoções Ativas: Novidades
Vídeos
Video Booktrailer
Autor
Jørn Lier Horst nasceu em Bamble, em 1970. Estreou-se na escrita em 2004, com o livro Nøkkelvitnet (Testemunha-Chave), baseado num crime real, e em 2013 abandonou a carreira na polícia para se dedicar à escrita a tempo inteiro.
Distinguido com inúmeros prémios, são de destacar o Prémio dos Livreiros da Noruega 2011, pelo livro Fechada para o Inverno, o Prémio Riverton/ Revólver Dourado 2012 (para o melhor romance policial norueguês), o Prémio Chave de Vidro 2013 (para o melhor policial escandinavo) e o Prémio Martin Beck 2014 (da Academia Sueca de Escritores de Policiais), os três atribuídos a Cães de Caça.
Os seus livros têm a qualidade de agradar tanto ao público como aos críticos, e encontram-se traduzidos em várias línguas, tendo vendido mais de um milhão de exemplares.

«Um dos mais brilhantes escritores de policiais da atualidade.»
The Sunday Times

«Entre os melhores escritores nórdicos de policiais.»
The Times