Peter Camenzind

Promo
10%

Peter Camenzind

Peter Camenzind é um jovem camponês introvertido que ambiciona escrever um grande poema. Com esse objetivo em mente, abandona a sua casa nos Alpes Suíços e parte à procura de novas experiências. Insatisfeito com a sociedade e cheio de anseios por uma vida mais profunda, empreende tentativas intermináveis para descobrir o seu verdadeiro eu.
A sua busca por iluminação e autoconhecimento leva-o às tabernas e aos salões literários das principais cidades europeias, pois Camenzind acredita que alcançará o seu ideal estético, a iluminação e o autoconhecimento através de viagens e dos prazeres mundanos. Mas, ao calcorrear a Alemanha, Itália e França, fica cada vez mais desiludido com o sofrimento que vê à sua volta. Depois de alguns amores falhados e de uma amizade marcada pela tragédia, o seu idealismo transforma-se num esmagador desespero, e só voltará a encontrar paz quando, personificando o ideal de São Francisco, decide cuidar de um pobre estropiado meio paralítico que renova o amor de Camenzind pela humanidade e o inspira a procurar a alegria nas pequenas coisas da vida.
Peter Camenzind lembra facilmente outros protagonistas de Hesse, como Siddhartha, Goldmund e Harry Haller. Como eles, Camenzind sofre profundamente e passa por inúmeras jornadas intelectuais, físicas e espirituais.
Foi traduzido por Isabel de Almeida e Sousa.
Ler mais

Os ebooks e audiobooks mais populares disponíveis na subscrição Kobo+e_Leya.

€ 13,41
PVP   € 14,90
Poupe € 1,49 (10%) Comprar

eBook
€ 9,89
PVP   € 10,99
Poupe € 1,10 (10%) Comprar
Novidade / -10% Promoção válida de 2021-05-12 a 2021-08-25
Ano de Edição / Impressão / 2021
Número Páginas / 208

Dimensões / 235 x 14 x 158 mm
ISBN / 9789722071291
Editora / DOM QUIXOTE
Promoções Ativas: Novidades
Autor
Hermann Hesse nasceu a 2 de julho de 1877, na Alemanha, e morreu a 9 de agosto de 1962, na Suíça.
Distinguido, em 1946, com o Nobel da Literatura, tornou-se uma verdadeira figura de culto, uma referência universal ancorada na exaltação que faz do indivíduo e na celebração de um certo misticismo oriental.
Peter Camenzind, o seu primeiro romance, data de 1904. Uma visita à Índia fê-lo descobrir uma cultura e um novo modo de sentir que o fascinaram: Siddhartha (1922) foi o fruto dessa experiência, sendo o seu livro mais lido em todo o mundo.
Durante a Primeira Guerra Mundial, refugiou-se na Suíça, país neutro, onde adquiriu a respetiva nacionalidade, em 1923.